Labels

sábado, 2 de março de 2013

Morre em Porto Alegre a 240ª vítima de incêndio na boate Kiss

Familiares e amigos rezam Pai Nosso em homenagem às vítimas (Foto: Felipe Truda/G1)
   Familiares e amigos rezam Pai Nosso em homenagem às vítimas cinco dias de Pedro Falcão falecer (Foto: Felipe Truda/G1)

Morreu em Porto Alegre mais uma vítima do incêndio na Boate Kiss. A tragédia do dia 27 de janeiro, em Santa Maria, já contabiliza 240 mortes. Pedro Falcão Pinheiro, de 25 anos, era um dos pacientes transferidos para o Hospital Cristo Redentor, na capital gaúcha. A morte foi confirmada às 11h20 deste sábado (2), segundo a assessoria de imprensa da instituição.

Pedro Falcão Pinheiro morava em Santa Maria, mas era natural de Santana do Livramento. Estudava no Centro Universitário Franciscano (Unifra), e trabalhava na empresa América Latina Logística (ALL). Ele foi um dos primeiros pacientes internados no Cristo Redentor.

Amigos e companheiros do time de futebol amador Rolo Compressor, do qual Pedro fazia parte, na sua cidade natal, prestaram homenagens durante o período em que ele esteve no hospital. No dia 2 de fevereiro uma caminhada em Santana do Livramento reuniu colegas, familiares e moradores que, em luto, torciam pela sua recuperação.

Segundo as equipes médicas do Rio Grande do Sul, ainda tem 22 jovens internados em estado grave.

Cinco dias antes da morte de Pedro Falcão, os familiares, amigos e a população de Santa Maria, fez uma homenagem as vítimas do incêndio no grande momento de paz e louvor em uma praça pública da cidade.

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita!