Labels

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Uma nova Paralisação esta sendo planejada


Diante das promessas não cumpridas pelo Governo da Bahia depois das duas MANIFESTAÇÕES, que ocorreram em "Prol a Recuperação com Urgência da BA 388" que liga Banzaê a BR 110 (Ribeira do Pombal) numa extensão de 27 Km nos dias 15 e 16 de Agosto, a "Comissão Prol da BA 388" se reuniu no último Sábado (31 de Agosto) no Povoado Barrocão (Ribeira do Pombal), e para decidiram que será realizada uma segunda "Paralisação" e que a mesma acontecerá somente na BA 388 fechando todos os pontos que ligam Banzaê a Ribeira do Pombal (inclusive desvios e estradas vicinais), só não foi decidida na reunião, a data da nova manifestação por que a Comissão vai entrar em contato com os Caciques das Comunidade Indígenas "Kiriris" de Banzaê.

Em conversa com minha pessoa na noite de ontem, o blogueiro e parceiro Josivan Ribeiro do Blog Monte Nius, disse que procurou os Caciques Lázaro (Mirandela) e Manoel (Araçá) para combinar sobre a data de começar a nova paralisação, segundo ele, Manoel foi encontrado e o mesmo conversará com os conselheiros de cada comunidade e até a próxima Terça-feira (10 de Setembro), já Lázaro, o mesmo não foi encontrado e um novo contato será feito.

Ainda na conversa, Josivan disse que Comissão não acha difícil a participação dos índios, visto que eles também têm reivindicações a fazer com relação a estradas vicinais (cascalhamento) e com a própria pista de asfalto que querem a restauração total além de um acostamento digno para evitar acidentes, e outra questão antiga com Coelba.
 
A verdade é que os número de acidentes aumenta a cada dia na BA, pois além da imprudência dos condutores de veículos, esta a negligência dos governantes que recebem os impostos do povo e o mesmo não esta sendo revertido em obras que atendam ao bem-estar de todos, sem falar do crescimento assustador dos roubos de veículos que vem sucedendo em decorrência do péssimo estado da BA.
 
Diante disso, alguém que tendia a crescer, Deputada Fátima Nunes, acabou sendo "queimada", pois deu sua palavra confiando na palavra de outro, o Dr. Emilson Pial, e garantiu que "passaria no DERBA pra solicitar um tapa-buraco com mais qualidade", e essa promessa também não foi cumprida, pois a operação continua sendo feita com o mesmo péssimo material (areia com pequenas "pedra-de-fogo", barro e um "chorume" com pinche e nós continuamos a sofrer). O povo quer uma resposta. O povo quer respeito. O povo não quer mais tapa-buraco. Fonte: Por Josivan Ribeiro no Blog Monte Nius

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita!