Labels

terça-feira, 29 de julho de 2014

Abstenção nas eleições gerais é maior do que nas municipais


Abstenção nas eleições gerais é maior do que nas municipaisAnálise comparativa realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) a partir de números das quatro últimas eleições aponta a ausência nas urnas é maior nas eleições gerais, como a que acontecerá esse ano em outubro e elegerá deputados estaduais e federais, senador, governador e presidente. Em 2010, deixaram de votar 2.057.633 eleitores em toda a Bahia, ou seja, 21,55% dos 9.544.368 aptos a comparecerem às urnas naquele ano. Já em 2012, quando as eleições foram municipais, o percentual de ausência caiu para 18,27%, mesmo com o número de eleitores maior: 10.110.122 pessoas. O coordenador de eleições do TRE-BA, Maurício Amaral, estima que o índice de abstenção nas eleições gerais é em média 4% maior do que nas eleições municipais. “Em um eleitorado de pouco mais de dez milhões, como é o caso da Bahia, isso representa mais que todos os eleitores de Feira de Santana (387.768 pessoas) ou quase duas vezes os de Vitória da Conquista (224.637)”, compara. Ele justifica que o eleitor se identifica mais com a disputa municipal, onde são trazidas demandas locais e compreender uma realidade mais imediata. “Na eleição geral, você muitas vezes nunca viu o candidato, só o conhece pela TV. Por outro lado, uma eleição para governador e presidente tem um impacto tão profundo para a vida do cidadão quanto a de prefeito”, afirma.

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita!