Labels

sábado, 20 de junho de 2015

Chile massacra a Bolívia com "olé" na Copa América

Jogadores chilenos comemoram um dos cinco gols na partida (Foto: Twitter oficial da Copa América)

Diz uma das músicas da banda americana “Backstreet boys”, da qual Alexis Sánchez é fã: “não importa quem você é, de onde vem ou o que fez, contanto que você me ame”. O refrão de um dos sucessos dos americanos no fim dos anos 90 serve para explicar a relação do romântico atacante chileno com o gol. Sem marcar pela seleção desde novembro de 2014, o camisa 7 buscou, errou, se irritou e admitiu ansiedade por estar tanto tempo longe do seu maior amor. Como toda boa história de romance, a reconciliação teve drama e suspense, com duas bolas na trave, mas final feliz: gol que encerrou a distância de Sánchez com a rede. Foi uma das atrações do baile chileno, iniciado por Aránguiz, autor de dois gols, e concluído com Medel e gol contra de Raldés: 5 a 0.

Antes mesmo de a bola rolar para Chile e Bolívia as duas seleções estavam classificadas para as quartas de final. A vitória do Equador sobre o México por 2 a 1 definiu as duas como primeiras garantidas do Grupo A.


O massacre confirmou a liderança da seleção no Grupo A. Agora os anfitriões esperam o adversário nas quartas de final após a definição do melhor terceiro colocado. A data está marcada: quarta-feira (24) novamente no estádio Nacional. A Bolívia agora aguarda o 2º colocado do Grupo C, o grupo do Brasil e o jogo será também na quinta-feira em Temuco. Fonte: Globo Esporte.com

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita!