Labels

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

População de Canudos impede abertura de banco em Euclides


Sociedade Civil e movimentos sociais do municípios de Canudos impedem abertura do Banco do Brasil de Euclides da Cunha. O motivo é para pedir a Superintendência a manutenção da agência de Canudos que já tem data para ser fechada.

A superintendência do Banco do Brasil diante dos constantes ataques a caixas eletrônicos, tem optado em deixar fechadas algumas agências na Bahia. No inicio deste mês foi divulgado uma nota que a agência da cidade de Canudos no Território Semiárido Nordeste II deixaria de funcionar. Segundo comunicado do banco a mesma encerrará suas atividades dia 25/01/2016.


Os manifestantes estão dispostos a ficarem no banco até que a superintendência volte atrás da decisão. Só que na manhã de segunda-feira, 28 de dezembro 2015, um grupo de manifestantes, com a presença do padre, vereadores, representantes de movimentos sociais, comerciantes e agricultores, ocuparam a agência do Banco do Brasil de Euclides da Cunha, para onde, em caso de fechamento definitivo da agência de Canudos, essas pessoas devem percorrerem 83 km em pouco mais de uma hora de carro para fazer suas movimentações.

Não aceitando o fechamento, o pessoal não permitiu a abertura da agência de Euclides da Cunha, nem acesso das pessoas aos caixas eletrônicos. Correntistas euclidenses e de cidades vizinhas que fazem negócios na agência, ficaram impossibilitados de honrar seus compromissos bancários. O movimento segue. E segundo alguns líderes só acabará com uma confirmação que a agência de Canudos não irá fechar. Redação CN * com informações dos lideres do movimento. 

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita!