Labels

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Hamilton vence nos EUA, mas Nico é 2º e pode ser campeão já no México


Em  desvantagem na briga pelo título, Lewis Hamilton fez sua parte no GP dos Estados Unidos deste domingo. Largando da pole position, ele administrou a corrida de forma tranquila no Circuito das Américas, venceu a sétima no ano, a 50ª na carreira, e esquentou a luta pela taça de 2016. Porém, o líder do campeonato, Nico Rosberg não ficou muito atrás. Após ser ultrapassado por Daniel Ricciardo (RBR) na largada, o alemão recuperou o segundo lugar ao fazer um pit stop durante o período de safety car virtual provocado pelo abandono de Max Verstappen (RBR) e completou a dobradinha da Mercedes. Com o resultado, Rosberg viu o britânico reduzir a diferença de 33 para 26 pontos (331 a 305) no campeonato, mas a 2ª colocação o deixou em condições de ser campeão de forma antecipada já na semana que vem, no GP do México. Para isso, ele precisa vencer a próxima corrida e torcer para que Hamilton chegue, no máximo, em 10º. Confira a classificação completa do campeonato.


EM BANZAÊ TEM!

Em uma corrida morna, coube a Fernando Alonso roubar a cena. Beneficiado pelos abandonos de Max Verstappen (câmbio) e Kimi Raikkonen (roda mal fixada), o espanhol encontrava-se em sétimo nas voltas finais, quando deu um "chega pra lá" polêmico em Felipe Massa (Williams), deu o bote em Carlos Sainz Jr. (STR) e abocanhou um expressivo 5º lugar com a McLaren. O brasileiro vinha fazendo grande exibição, mas teve um pneu furado com o toque de Alonso, precisou fazer um pit stop extra e terminou em sétimo (a direção de prova investigou o caso, mas não aplicou punição a Alonso). Companheiro de Massa, Valtteri Bottas também furou um pneu, mas na largada, e chegou apenas em 16º, atrás do outro brasuca, Felipe Nasr, da Sauber. Fonte e Foto: Globo Esporte.com

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita!