Labels

sexta-feira, 3 de agosto de 2018

DEM confirma José Ronaldo como candidato ao governo da Bahia


José Ronaldo foi confirmado pelo DEM, em convenção do partido realizada nesta sexta-feira (3), em Salvador, como candidato ao governo da Bahia nas eleições 2018. O ex-prefeito de Feira de Santana, segunda maior cidade do estado, a 100 km da capital, foi aclamado por correligionários no encontro estadual da legenda, que ocorreu em um hotel no bairro do Itaigara.

É a primeira vez que ele disputa o posto de chefe do executivo estadual. A candidata a vice-governadora na chapa, anunciada de última hora durante a convenção, é a médica e integrante do movimento "Vem Pra Rua" Mônica Bahia.

No discurso, sem citar nomes, Ronaldo condenou a corrupção envolvendo políticos, criticou a política de saúde e segurança pública do estado e o que chamou de "obras fantasmas", que, segundo ele, foram "prometidas" pelo atual governo em campanha e não executadas.

"Assumimos essa grande missão de vir a fazer essa eleição. A Bahia clama por uma grande mudança, deseja mudança, e vamos buscar fazer um trabalho para atender a todos na saúde, na segurança pública, na educação, no combate ao desemprego. Por onde eu ando, as pessoas reclamam de falta de segurança, do péssimo serviço prestado na área da saúde pública, do desemprego. Tenho obrigação de lutar bravamente para mudarmos isso", destacou.

Perfil

José Ronaldo de Carvalho, de 67 anos, é natural de Paripiranga, no Nordeste da Bahia, mas mora em Feira de Santana desde os anos 60, quando chegou no município para estudar e trabalhar. Estava no quarto mandato como prefeito de Feira e deixou o cargo, em abril deste ano, para concorrer ao governo do estado.

Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), atuou como professor, e também trabalhou como diretor executivo na Companhia de Pneus Tropical, atual Pirelli; atuou na Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial, a antiga Cedic; foi diretor do Hospital Dom Pedro de Alcântara, em Feira, e teve passagem pela Secretaria Estadual de Educação e Cultura.

A vida política teve início em 1976, como suplente, na Câmara de Vereadores de Feira, onde também atuou como edil. Em 1986, foi eleito deputado estadual e reeleito nos anos de 1990 e 1994. No final dos anos 90, se elegeu deputado federal, com a terceira maior votação do estado. Em 2000, voltou à política local como prefeito de Feira de Santana e se reelegeu em 2004. Voltou ainda à prefeitura em 2012 e foi reeleito em 2016. Ainda disputou o cargo de senador na eleição de 2014, mas não se elegeu.

Chapa

Foram confirmados também do nomes dos deputados federais Jutahy Magalhães (PSDB) e Irmão Lázaro (PSC), como postulantes ao senado. Informações: G1 Bahia

    0 Comentários:

    Postar um comentário

    Obrigado por sua visita!